Mané Preguiça

Zé Fortuna & Pitangueira

Compositor: Não Disponível

Já vi gente preguiçosa, mas igual o mané nunca vi
Ele chega passar fome de preguiça que tem pra engolir
Há dez anos tá casado, nem um filho tiveram e por isso
Quando alguém lhe pergunta: O que foi, seu mané?
Ele diz: Foi preguiça

Numa noite o mané foi num circo pra poder sorrir
Mas não ria de preguiça porque tinha que a boca abrir
E gemia porque estava sobre um prego sentado e por isso
Quando alguém disse a ele: levanta que passa
Ele disse: e a preguiça?

Ao casar pôs um terno, de preguiça nem abotoou
Quando estava na igreja caiu a calça e sem roupa ficou
De preguiça não abaixava pra erguer sua calça e por isso
Quando o povo gritou: erga a calça, mané
Ele disse: ai, que preguiça

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital