São Cristovão

Zé Fortuna & Pitangueira

Compositor: Não Disponível

Diz a história sacra que josé e maria com jesus menino junto ao rio jordão
Chegaram cansados para atravessá-lo, a um homem pediram sua proteção
Ele era cristóvão que pegou o menino, e o rio a nado ele atravessou
Foi a vez primeira que no mundo todo, um seu semelhante alguém transportou
São cristóvão aceite, ai, ai, ai, ai...nossa devoção, ai, ai, ai, ai...
Dê os motoristas, ai, ai, ai, ai... sua proteção, ai, ai...

Por isso até hoje, nosso são cristóvão é dos motoristas o seu protetor
Que na estrada longa tudo eles transportam progresso, fracasso, alegria e dor
Oh, meu são cristóvão, olhe os motoristas, seja na neblina para ele a luz
Mostre-lhe o caminho para que não haja na próxima curva uma nova cruz.
São cristóvão aceite, ai, ai, ai, ai...nossa devoção, ai, ai, ai, ai...
Dê os motoristas, ai, ai, ai, ai... sua proteção, ai, ai...

Contra a chuva e o frio, longe da família que o espera em casa e o papai não vem
Contra os assaltantes que na estrada escura, rouba-lhe a vida por alguns vintém
Proteja seu carro, para que não quebre em lugar deserto, onde não haja luz
Todo o motorista creia em são cristóvão, que de volta em casa ele lhe conduz.
São cristóvão aceite, ai, ai, ai, ai...nossa devoção, ai, ai, ai, ai...
Dê os motoristas, ai, ai, ai, ai... sua proteção, ai, ai...

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital